Wicked: você vai amar essa bruxa má

Hoje estou aqui para falar sobre um livro que não é tão conhecido. Chama-se Maligna, do autor Gregory Maguire. Talvez vocês já tenham ouvido falar de sua adaptação famosa na Broadway, o musical Wicked.

Imagem

A Elphie está turbinada nessa capa ahaha

 Bom, Wicked entrou na minha vida meio por acaso. Meu pai comprou o livro em um sebo e me deu (valeu pai!). Sem saber nada sobre a história ou sobre o autor, embarquei nessa jornada incrível e fui arrebatada.

 O livro narra a vida de Elphaba, uma garota que nasce com a pele verde e dentes de tubarão (por sorte os dentes bizarros caem e a próxima dentição dela é mais apresentável ehehe). Bom, essa menina vai se transformar na conhecida Bruxa Má do Oeste e nós vamos descobrir o que aconteceu para que ela chegasse a tal nível de malvadeza.

 O interessante no livro é a inversão de valores que Maguire propõe. E se a bruxa má não fosse tão má assim? E se ela estivesse lutando por uma boa causa? E se todo o ódio que ela nutre pelo mágico de Oz viesse de um motivo bem compreensível? Já deu para ficar curioso, né?

 Maguire conta uma história sobre abuso de poder, preconceito e vingança. Temas adultos impregnados numa conhecida fantasia infantil. O resultado é inesquecível. A forma com que o autor abordou Oz me deixou encantada, mas o destaque maior vai para a protagonista. Elphaba. Como não amá-la? Como não torcer por ela e não sentir raiva das tragédias que a acompanham? Confesso que depois de ter lido este livro passei a nutrir grande antipatia por Dorothy (garota mala ahaha).

Imagem

Gregory Maguire

 Também há humor na narrativa. Ácido e muito inteligente. Você vai se pegar rindo das tiradas sarcásticas da Elphie. O romance é bem dosado e um tanto agridoce. Fiquei com o coração partido em diversos momentos da leitura.

 Resumindo, Wicked (Maligna em português, publicado pela editora Ediouro) é uma leitura altamente recomendada. E tenho certeza que vocês vão passar a amar a Bruxa Má do Oeste.

 O musical:

 Depois que me encantei com o livro, descobri que ele havia virado um musical na Broadway. Comecei a pesquisar tudo o que podia sobre  e encontrei uma comunidade no Orkut (sim, faz tempo) que disponibilizava vídeos do espetáculo. Um dia ainda vou assisti-lo ao vivo, mas fico feliz que a internet me deu oportunidade de conhecer mais e virar uma verdadeira fanática.

 ImagemO musical é bem diferente do livro. Mais leve, foca na amizade de Glinda e Elphie. Conta uma história de superação e amor. Eu compreendo as mudanças realizadas e, mesmo sendo fã do texto do Maguire, acabei me apaixonando pela adaptação.

 A trilha sonora é ótima. Você vai ficar cantando Defying Gravity durante dias, aposto. Há outras músicas de destaque como Popular, No Good Deed e As Long as You’re Mine.

 Bom, para mim, a diva Kristin Chenoweth é a melhor Glinda. A última apresentação dela é hilária. Posso dizer que admiro muito a Idina Menzel, acho ela super técnica e com uma baita voz. No entanto, a única e verdadeira Elphaba é a Julia Murney. Gente, vejam a foto dela aqui embaixo. É a bruxa!! Não tem jeito. Exatamente como eu imaginava. Além disso a química dela com o Fiyero (Sebastian Arcelus) é um espetáculo a parte. =)

Imagem

Julia Murney S2

 

Bom, vou parar por aqui senão o post ficará imenso. Leiam Wicked, vejam o musical e se apaixonem. ELPHABA LIVES!

Anúncios

3 comentários sobre “Wicked: você vai amar essa bruxa má

  1. Robeeeeertaaaaaaa
    mais um livro que tu me viciaste!!
    eu amo personagens Badass, tanto é que a Lisbeth Salander é minha diva! eu claro que eu AMEI a Elphaba!
    Btw, Wicked é um livro diferente de tudo que eu já li, poucos livros conseguem ter uma narrativa tão singular, Gregory Maguire ganhou vários pontos comigo.
    Só gostaria de comentar algumas coisas:
    Nessarose: CHATA PRA KCT
    Lir: TRAIDOR
    Dorothy: CHATA PRA KCT [2]
    Fiyero: ♥♥♥♥♥
    Não sei se leio o segundo livro por motivos que você conhece (não vou citar para não dar spoilers), mas mesmo que eu não continue, só por Wicked já valeu á pena ^^

    Sobre o musical, eu AMEI!! Julia e Sebastian me encantaram *-* a química deles é uma coisa lindaaaaaa!

    excelente post, parabéns :*

  2. Pingback: Ruído Criativo #3 – Wicked | Ruído Criativo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s